Dep. Doutor Leonardo defende o uso dos kit Covid para tratamento precoce em MT

Por ReporterMT 22/06/2020 - 15:29 hs

  O deputado federal e médico Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) defende o uso dos “kit Covid-19” para pacientes no estágio inicial da doença causada pelo novo coronavírus, com objetivo de salvar o máximo de vidas possível. Segundo ele, o protocolo utilizado pelo Ministério da Saúde, de medicar somente pacientes graves, tem feito com que muitos cheguem a fase grave da Covid-19. 

  O Estado, por sua vez, poderia investir em Kits de medicamentos para serem utilizados nos primeiros sintomas, evitando a lotação de unidades de terapia intensiva (UTI) e mortes, sendo possível prevenir casos com tratamento precoce.  

  “Gastam milhões em respiradores, mas não tem um analgésico, uma ivermectina que seja para o paciente. Como estão demorando a tratar, o paciente já chega com o pulmão comprometido e precisa ser entubado e ir para UTI. Gastam milhões, mas não oferecem um kit Covid com remédios que custam menos de 50 reais”, afirmou o deputado Dr. Leonardo, em transmissão ao vivo na sua rede social na noite de domingo (21.06).

  Finalmente a ficha, só agora, depois de mais de 50 mil mortes no país e mais de 100 só em Cuiabá, a ficha dos políticos começou a cair. Está certíssimo o argumento do deputado sobre os milhões gastos com respiradores, mas remédios básicos não há.

  Algumas cidades de MT já adotaram o kit covid, com hidroxicloriquina, azitromicina e ivermectina. Falta, agora, os demais secretários de saúde deixaram de teimosia e adotar o kit para que as pessoas sejam tratadas no início da doença. Ou vai ter que valer a máxima, senhores secretários, de que a pandemia é lucrativa e muita gente vai sair rica dessa história?